Aulas práticas otimizam a construção de saberes
25 de abril de 2019 Notícias, Portal , ,
destaque

Bolhas de ar, cristais de gelo e glóbulos de gordura: uma combinação que agrada paladares em todos os cantos do mundo, desde os mais remotos séculos. Ainda que não se conheça, ao certo, sua origem, há indícios de que, desde as eras pré-civilizatórias, a neve fosse misturada a outros ingredientes, como frutas, leite e mel, dando origem ao alimento que, hoje, chamamos de sorvete.

Química - Sorvete Embora, atualmente, possa ser encontrado com facilidade, ele é um verdadeiro fenômeno químico – como puderam comprovar os estudantes da 3ª Série do Ensino Médio do Colégio Notre Dame, em aula prática da disciplina. Durante ela, os adolescentes produziram seus próprios sorvetes e observaram as diversas fases heterogêneas que, macroscopicamente, formam essa deliciosa massa homogênea e cremosa que, embora mais colorida e diversificada em sabores, tem ingredientes muito semelhantes aos usados em um passado distante.

A Química também se fez presente no preparo de outro alimento que agrada – e muito – o paladar dos adolescentes: o brigadeiro. Produzido pelos estudantes da 1ª Série do Ensino Médio, o doce possibilitou que eles compreendessem melhor o conceito de estequiometria – o cálculo das relações ponderais observadas durante as reações químicas. Afinal, a sua elaboração envolve o princípio da proporção: para cada lata de leite condensado, deve-se adicionar cinco colheres de sopa chocolate em pó e uma colher de sopa manteiga sem sal.

Essa 03 (Copy)A escolha por preparar alimentos, durante as aulas práticas da disciplina de Química, decorre, como explica a docente Eliane Deferrari, do fato de que, além de envolver conceitos e processos químicos, a produção desperta o interesse dos educandos para a aplicação dos saberes construídos, o que facilita a aprendizagem dos conteúdos. “O interesse deles em apreender é muito maior! Me sinto estimulada a elaborar essas aulas quando vejo a alegria dos estudantes, pois assimilam os conceitos, ao mesmo tempo em que desfrutam das experiências”, afirma a educadora, mencionando que os jovens matriculados no Ensino Médio do Colégio Notre Dame também perceberam a relação entre densidade e volume, durante a transformação do milho de pipoca quando exposto ao calor, e realizaram a separação de misturas, por meio da destilação do refrigerante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>